Vereador pode morar a mais de trezentos quilômetros da cidade em que exerce o mandato?

Tem coisas pelo Brasil que sempre nos surpreendem.

Em Sarutaiá  cidade a 350 quilômetros da capital paulista, tem um vereador que só vai ao município de 3,7 mil habitantes uma vez ao mês para a única sessão por morar na capital. Os vereadores estão se manifestando contra, e o edil pode chegar a perder o mandato.

O vereador realmente mora há um ano na capital do estado de São Paulo de segunda a sexta-feira devido a um curso que ele faz no Senai. Mas alegou motivações políticas do suplente

Um motivo para a denúncia o que ele acredita seria a falta de ligação do mandatário com o município uma vez que não vivendo lá não pode estar a par da realidade local.

Especialistas dizem que não há uma obrigação legal específica de que o vereador resida na cidade em que exerce o mandato. A única obrigação é comprovar domicílio na cidade por ocasião da candidatura e estar na maior partes das sessões no mandato.

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

Dê-nos sua opinião sobre este assunto!

Seu endereço de e-mail não será publicado.


*