Temer do PMDB, Aécio do PSDB e Mantega do PT flagrados em atos de corrupção. Em resumo, PMDB=PT=PSDB ou seja, tudo a mesma M.

Aécio e seu escudeiro, Gilmar Mendes
Aécio e seu escudeiro, Gilmar Mendes

A enésima bomba no frágil governo de Michel Temer , agora a mais devastadora. Uma gravação prova que o presidente brasileiro autorizou subornos entregues ao ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha para ser manter o silêncio na cadeia, onde ele está preso por corrupção no âmbito da Operação Lava Jato .

O jornal O Globo revelou que os proprietários da empresa de carne JBS confessaram ao Procurador – Geral da República , que tem uma gravação que coloca Temer nas cordas. Em um dos diálogos, gravado há apenas dois meses, em março passado, o empresário Joesley Batista diz que ele está dando dinheiro para Cunha para mantê-lo calmo na cadeia. Temer dando aprovação responde: “Você tem que manter isso, ok?” .

O áudio, cuja existência foi revelada na quarta-feira, poderia ser letal para a Temer, com um crime cometido durante o exercício do seu mandato. Até agora, todas as alegações giravam em torno do financiamento ilegal de sua campanha para vice-presidente, antes de se tornar presidente.

Temer hoje reconheceu que realizou uma reunião em março com Joesley Batista, mas negou que a reunião serviria para comprar o silêncio do ex-chefe da Câmara dos Deputados.

O presidente do conservador Partido Social Brasileira Democracia (PSDB) , o principal aliado do governo Temer, Aécio Neves, pediu a Joesley dois milhões de reais, uma quantia que foi entregue a seu primo e, em seguida, acabou na conta outro senador do mesmo partido, Zezé Perrella .

O Partido dos Trabalhadores (PT)  não escapa das acusações: o empresário Joesley Batista confessou às autoridades que seu “homem” durante o governo de Rousseff era seu então ministro da Fazenda, Guido Mantega . Responsável pelo governo esquerdista finanças foi responsável pela defesa dos interesses da JBS dentro do BNDES.

1 Comment

  1. acho que tem de acabar o fina ciamento de empresas para candidatos ter votos distritais e acabar com o cociente eleitoral e com ligações e TAM bem o vice ter votos votos independentes

Deixe um comentário

Dê-nos sua opinião sobre este assunto!

Seu endereço de e-mail não será publicado.


*